Guarda Responsável de Cães e Gatos

Antes de adquirir um animal, considere que o mesmo pode chegar até os 15 anos. Pergunte à família se todos estão de acordo, se há recursos necessários para mantê-lo e verifique quem cuidará dele no período das férias ou em feriados prolongados, caso forem viajar. Lembre-se que animal não é brinquedo para as crianças.

Informe-se sobre as características e necessidades da espécie e/ou raça escolhida, isto é, tamanho, peculiaridades, personalidade, espaço físico necessário.

Cães e gatos não podem viver acorrentados eternamente. Seu pet deverá ficar dentro do espaço residencial, jamais solto na rua. Para alguns cães, passeios são  fundamentais, mas apenas com coleira/guias e conduzidos por quem possa contê-los. Levar sempre um saquinho para recolher as fezes.

Cuide da saúde física do animal. Forneça abrigo da chuva, sol e frio. O alimento deve ser colocado em pote limpo diariamente assim como feita a troca da água. Dê banho, escove e exercite-o regularmente. Leve-o ao médico veterinário regularmente desde filhote para exames, vermifugação e as vacinas recomendadas para o tipo de animal. As vacinas devem ser repetidas anualmente por toda vida dele.

Adapte as dimensões da coleira ao crescimento do animal. Coleiras apertadas são prejudiciais à saúde.

Zele também pela saúde psicológica do animal. Dê atenção, carinho e ambiente adequado a ele, principalmente se morar em apartamento. Limpe e desinfete diariamente seu pátio ou o local onde ele permanece para evitar contaminação por parasitas.

Eduque seu animal, se necessário, por meio de adestramento, mas respeite suas características. Nunca bata em seu animal.

Recolha e jogue os dejetos (cocô) em local apropriado. Inclusive quando o levar a passear.

Identifique seu animal com uma plaqueta contendo o número de telefone da pessoa responsável, para que seja localizado em caso de fuga.

 

Castre seu animal (macho ou fêmea), evitando assim o câncer do aparelho reprodutor e de mama e as crias indesejadas.

Nunca o abandone devido a viagens, mudanças, doenças, velhice ou distúrbios psicológicos. Ajude-o nestes momentos difíceis.

A ADOÇÃO É A MELHOR OPÇÃO.

NÃO ESQUEÇA: ANIMAIS SÃO SERES SENCIENTES (TEM SENTIMENTOS)  - Assim como nós, eles sentem dor, tristeza, solidão, fome, sede, frio, medo, alegria e amor, muito amor. Cabe a nós, humanos, respeitá-los e proporcionar-lhes suas necessidades básicas para que tenham uma vida com qualidade.

APRABLU - Associação Protetora de Animais de Blumenau - © 2018 - Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido pelos voluntários da ONG.